Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rebacc.crcrj.org.br:80/crc/handle/123456789/1570
Título: INCENTIVOS CONTRATUAIS PARA A REALIZAÇÃO DE PRÁTICAS CONTÁBEIS: ESTUDO DE CAOS DE EMPRESAS LISTADAS NO NOVO MERCADO
Autor(es): Érica Rocha Silva; Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ
Palavras-chave: Contabilidade
Data do documento: 2014-11-12
Editora / Evento / Instituição: REVISTA DE CONTABILIDADE DO MESTRADO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS DA UERJ
Descrição: O objetivo do presente estudo é analisar os tipos de métricas (contábeis e não contábeis) e suas características, incluídas nos planos de incentivos de curto e longo prazo utilizados para avaliar o desempenho (e cálculo do valor da remuneração variável) da alta administração das empresas de capital aberto. As evidências identificadas nos relatórios produzidos pelas empresas selecionadas sobre as características da remuneração dos administradores permitem concluir que os pesquisadores devem evitar a utilização de informações gerais, como a existência de participação nos resultados (variável do tipo "dummy") e o valor global da remuneração dos administradores, como variáveis na especificação dos incentivos que os administradores possuem para efetuarem escolhas de práticas contábeis. As evidências apresentadas têm uma significativa importância em apontar aspectos que devem ser levados em consideração na construção de variáveis representativas da hipótese dos planos de incentivos. Outra implicação relevante é a necessidade de os órgãos reguladores, especialmente, a Comissão de Valores Mobiliários, exigirem das empresas uma adequada apresentação dos indicadores contábeis e financeiros utilizados no cálculo da remuneração variável da alta administração das empresas sob sua supervisão.  Palavras-Chave: Gerenciamento de resultados; Escolhas de práticas contábeis; Remuneração variável; Indicadores contábeis. AbstractThe purpose of this paper is to analyze the types of metrics (accounting and non accounting) and their characteristics, included in bonus plan used to evaluate the performance (and calculating the value of the bonus plan) of the top management of public companies. The evidence identified in the reports of companies selected on the characteristics of managers' compensation to the conclusion that researchers should avoid using general proxies such as the existence of profit sharing (dummy) and the aggregate value of the remuneration of administrators, as variables in the specification of the incentives that managers have to effect the accounting choices. The evidence presented has a significant importance in pointing out aspects that must be taken into consideration in the construction of variables representing the bonus plan hypothesis. Another important aspect is the need for regulators, especially the Securities and Exchange Commission (CVM), companies require an adequate presentation of accounting and non accounting metrics used to calculate the bonus plan of top management of companies.   Keywords: Earnings management; Accounting choice; Bonus pla; Accounting metrics.  
URI: http://201.33.23.181:8080/crc/handle/123456789/1570
Outros identificadores: http://www.atena.org.br/revista/ojs-2.2.3-06/index.php/UERJ/article/view/1445
Aparece nas coleções:Artigos - Atena

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.