Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rebacc.crcrj.org.br:80/crc/handle/123456789/3318
Título: 0 CONSERVADORISMO E 0 CONTEUDO INFORMATIVO DOS LUCROS
Editora / Evento / Instituição: Contabilidade, Gestão e Governança
Descrição: Este artigo e parcialmente baseado na minha dissertação de mestrado completado na Universidade de Lancaster - Inglaterra. Seu objetivo e explorar e delinear o papel informativo da contabilidade na formação dos preços dos chamados ativos financeiros (valores mobiliários), passando pela discussão das conseqüências da adoção da convenção do conservadorismo no grau informativo dos lucros. Utilizando-se de dados financeiros e contábeis coletados de empresas britânicas por intermédio do Datastream banco de dados financeiros e contábeis difundido no Reino Unido, são formuladas, testadas e discutidas hipóteses sobre a influencia do conservadorismo no grau informativo dos lucros. Para a realização dos testes estatísticos, dois principais grupos de empresas foram categorizados dentro da amostra coletada: 1. empresas com baixo desempenho; e 2. empresas com alto desempenho. Essa segregação foi necessária para facilitar a identificação das circunstancias econômicas diferenciadas que envolvem as empresas que compõem cada um desses grupos e, assim, permitir o levantamento de hipóteses consistentes com a teoria contábil positiva.
URI: http://rebacc.crcrj.org.br/crc/handle/123456789/3318
Outros identificadores: https://cgg-amg.unb.br/index.php/contabil/article/view/109
Aparece nas coleções:Revista Contabilidade Gestão & Governança - UNB

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.